Lobão O Língua Solta Do Rock Nacional Vida E Carreira

Lobão O Língua Solta Do Rock Nacional
o rock n roll como ele é

Lobão O Língua Solta Do Rock Nacional

Até trocar agressões com o Pai, ao ser expulso de casa ele trocou, você vai ver nesse vídeo Lobão o língua solta do Rock Nacional, a vida e carreira.

Um dos mais controversos músicos do Rock Tupiniquim, o famoso “língua solta,” de não levar desaforo pra casa, Lobão.

Lobão
Lobão

Infância e Adolescência

João Luiz Woerdenbag Filho, ou Xurupito como era chamado por sua mãe na infância, nasceu no Rio de Janeiro em 11 de outubro de 1957.

Filho de João Luiz (pai) mecânico de automóveis da Rede Globo, e Ruth Araújo de Mattos, professora de inglês do Instituto de Educação do Rio de Janeiro.  Lobão despertou cedo seu interesse pela música.

Aos três anos de idade, Lobão o língua solta do rock nacional, começou a brincar de tocar bateria e aos 6 ganhou sua primeira bateria de brinquedo.

Como contamos aqui em nosso Blog no post Bateristas que Largaram as Baquetas. Aos 13 anos de idade ganha sua primeira bateria profissional.   E aos 15 aprendeu a tocar violão clássico.

Apelido e Briga com o Pai

O apelido Lobão ganhou nessa época, quanto estudava no Colégio São Vicente de Paulo.  Ele gostava de andar com um macacão de jardineiro.  Daí sua associação ao personagem da Disney.

Quando tinha 19 anos, foi expulso por seu pai de casa.  Lobão foi agredido com um soco na cara.  Em represália, ele quebrou o violão inteiro na cabeça do velho.  Segundo ele próprio diz:

“Só parei quando não tinha mais violão para bater.”

Início de Carreira

Um ano antes de ser expulso de casa pelo pai em 1975, Lobão entrou para a vaga que surgiu de baterista na Banda Vimana.

Junto com Lobão na batera formavam a banda, Lulu Santos Guitarra e Vocal, Ritchie Flauta e Vocal, Luiz Paulo Simas nos teclados, e Fernando Gama no baixo.

A banda lançou 3 álbuns, contudo se dissolveu em 1978, após a entrada na banda do ex tecladista da banda Yes Patrick Moraz.

Patrick queria a saída de Lulu Santos da banda.  Contudo, os outros integrantes não aceitaram essa imposição do novato e encerraram a carreira da banda e saíra em carreira solo.

Banda Blitz

De 1978 até 1982 lobão acompanhou como baterista os músicos Luiz Melodia, Walter Franco, Gang 90 e as Absurdettes e Marina Lima.

Em 1982 Lobão em companhia de Evandro Mesquita vocal e guitarra, Ricardo Barreto na outra guitarra, Antônio Pedro Fortuna no baixo, Billy Forghieri nos teclados, e as backing vocals Fernanda Abreu e Marcia Bulcão, fundam a Blitz.

O Compacto simples do single, Você não soube me amar,” vendeu mais de 100 mil cópias em apenas três meses.

Mesmo com o sucesso as divergências entre Evandro Mesquita e Lobão só aumentavam.  Lobão decide então abandonar a banda antes do lançamento do primeiro álbum, As Aventuras Da Blitz 1.

Carreira Solo

Lobão ficou sabendo que a banda daria uma entrevista para uma revista de grande circulação.  Ele não havia comunicado que sairia, resolveu então fingir que continuaria.

Na entrevista fez de tudo para chamar a atenção, falou pelos 4 cantos.

Após a publicação da revista, com ela debaixo do braço, ele foi bater na porta da gravadora com a fita demo de “Cena de Cinema”.  Cerca de meia hora depois, já tinha o contrato assinado para a sua carreira solo.

Os Ronaldos

Ainda em 82 Lobão lança o álbum inaugural de sua carreira solo “Cena de Cinema.

Dois anos depois em 1984 ele lança o álbum Ronaldo foi pra Guerra, juntamente com a banda os Ronaldos.

Esse álbum continha duas faixas de enorme sucesso na época, Corações Psicodélicos e Me Chama.

Esse ano de 84 ficou marcado na vida de Lobão pelo suicídio de sua mãe, que sofria de doenças do coração.  Ela deixou uma carta responsabilizando o filho pela sua morte.

No ano seguinte em 1985 Lobão dissolve a banda e volta para sua carreira solo.

O Rock Errou

O segundo álbum de estúdio de Lobão, o Rock Errou, lançado em 86, já traz polêmica na capa.  Lobão aparece vestido de padre ao lado de sua primeira mulher nua, a atriz e modelo Daniele Daumerie.

Além da capa, logo depois do lançamento desse álbum, Lobaço foi preso por porte de drogas.

Dentre as faixas desse álbum, destacamos além da faixa título os hits, Revanche, Noite e Dia e Canos Silenciosos.

Com Daniele, Lobão teve sua única filha chamada júlia.  Em entrevista a Revista Isto É em 2001, Daniele diz que o pai não dava muita atenção a filha, que tinha 13 anos de idade na ocasião.

Daniele faleceu em 2014 vítima de um AVC.  Lobão falou na ocasião em seu Twitter:

“Estou muito triste mesmo.” Respondeu a uma seguidora.

Vida Bandida

Vida Bandida não é só nome de seu terceiro álbum de estúdio.  Desde sua primeira prisão em 1986 ele foi preso por várias vezes até 1992 em vários lugares pelo Brasil Afora.

Ele até levava uma algema consigo, para facilitar o trabalho dos meganhas.  Ele era parado nas estradas, aeroportos, tinha juiz que falava que Lobão era considerado um mal social.

Lobão o língua solta do rock nacional era muito doidão, mandava todo mundo se fu***.  Os shows do cara tinham sempre confusões e revistas pessoais.  Ele chegou a ir morar nos Estados Unidos, voltou em 1989 e continuou sendo preso.

Segundo ele próprio nessa época, se envolveu com a facção criminosa Comando Vermelho.   Quando saiu chegou até a tomar aula de tiro no morro.

O Álbum

Já quanto ao álbum Vida Bandida, lançado em 1987, boa parte dele foi composta na cadeia.

Esse álbum está recheado de grandes sucessos como: a faixa título, Nem Bem, Nem Mal, Vida Louca Vida, Blá Blá Blá Eu te Amo e Chorando no Campo.

4º, 5º e 6º Álbuns

No ano seguinte em 1988, ele lança seu quarto álbum de estúdio “Cuidado,” com destaque pra faixa “O Eleito.”

Outro destaque desse álbum foi a participação da bateria da escola de samba da Mangueira.

Em seu quinto álbum de estúdio, lançado em 1989 Sob o Sol de Parador, destacou-se o hit “Essa noite não.”

No sexto álbum de estúdio O Inferno é Fogo, Lobão está mais tranquilo, já não tem tantos problemas com a polícia e curte seu segundo casamento que dura até hoje com sua segunda esposa Regina Lopes.

Dentre os hits destacamos “Sem você não dá,” Presidente Mauricinho, dedicada ao então Presidente da República da época Fernando Collor de Mello.

Hiato e Novos Álbuns

Lobão da um tempo nos álbuns e shows de 91 a 95 quando retorna com o Sétimo de estúdio “Nostalgia da Modernidade”, que não faz tanto sucesso como os antecessores.

Outro álbum que também não emplacou nas vendas foi o oitavo de estúdio “A Noite,” lançado em 1998.

Já para o nono álbum de estúdio “A Vida é Doce”, o lançamento feito em 1999 tem sua distribuição total pela internet.

Revista Própria e Outro Suicídio

Em 2003 Lobão inova mais uma vez e lança sua revista própria chamada OutraCoisa.  Cujo objetivo era de lançar bandas independentes no mercado.

A revista circulou por cinco anos, uma das bandas lançadas foi a Cachorro Grande de Porto Alegre.

Outra tragédia pessoal marcaria a vida de Lobão no ano seguinte em 2004.

Após se reencontrar com seu pai e passarem uma tarde juntos.  Assim como fez sua mãe 20 anos antes, seu pai também se matou, esse por sua vez envenenado.

Livro e Últimos Álbuns

O décimo álbum de estúdio de Lobão Canções Dentro da Noite Escura é lançado em 2005;

Como destaques citamos: Você e a Noite Escura, Quente, A Gente Vai se Amar e Pra sempre essa noite.

Em 2010 chega a vez de Lobão lançar seu livro 50 anos a mil, juntamente como Jornalista Claudio Tognolli.  Ele afirmou na época, que sem a documentação de Tognolli, as pessoas não acreditariam nas histórias por ele contadas.

Foram 2 anos dedicados a essa Autobiografia, onde Lobão conta em uma narrativa veloz.  Desde a descoberta que tinha nefrose aos 2 anos de idade, doença essa que conviveu até aos 12 anos, até sua mudança para São Paulo em 2008.

Do Pó ao Pó

No livro só pra você ter uma ideia, no velório de seu amigo Júlio Barroso, fundador e líder do Gang 90 e as absurdettes em 1984.  Ele e Cazuza (da qual era muito amigo), cheiraram cocaína na tampa do caixão do amigo falecido, lá pelas 4 horas da matina.

Em 2016 ele lança seu penúltimo álbum de estúdio, O Rigor e a Misericórdia.  Onde ele gravou todos os instrumentos e produziu o disco.

Dois anos depois o seu último trabalho em estúdio, Antologia Politicamente Incorreta dos Anos 80 pelo Rock.

Televisão

Em 2005 Lobão começou a trabalhar na TV, no programa Saca Rolha pela Play TV.  Em companhia de Marcelo Tas e a modelo Mariana Weickert, era tipo uma mesa redonda onde os 3 recebiam convidados para debates.

Também trabalhou na MTV entre 2007 e 2010, onde apresentava 4 programas.

Trabalhou ainda no programa A Liga da Rede Bandeirantes em 2011.  No entanto por divergência com a produção do programa ficou por pouco tempo, só 3 meses.

Ele também foi entrevistado por vários programas de tv como Jô Soares Onze e Meia, De frente com Gabi, Roda Viva, Provocações, Passando a Limpo, Agora é Tarde, Programa do Jô e The Noite.

Cinema

No ano de 1985 ele participou do filme Areias Escaldantes, um filme musical tupiniquim.

O Canal Bis no ano de 2013 exibiu o documentário chamado Universo Lobão, que fala de sua carreira.

Ele tinha a pretensão de transformar o livro 50 Anos a Mil em um filme no ano de 2016.  Entretanto posteriormente cancelou o projeto.

Política

Por sempre estar envolvido em debates quentes sobre política.  Muitos acham ou achavam que ele iria acabar se candidatando.

Em 89 quando voltou dos EUA, votou em lula.  Contudo, foi favorável ao Impeachment da Dilma em 2016.

Atualmente ele é apontado como um artista de vertente conservadora.  Sobre a possibilidade de ingressar na política ele afirmou:

“Eu não tenho o menor gabarito para isso! Se eu pudesse, faria uma legislação estabelecendo que, para ser político, é preciso ter mais de 50 anos, muito dinheiro, falar seis idiomas, ter curso de política internacional, economia e direito.”

Dica do Blog

Por fim um recado para você que gosta de Guitarra, que tal aprender a tocar esse fantástico instrumento?

Clique aqui ou no banner abaixo e conheça um curso de guitarra nota mil, que te ensina do zero a tocar esse instrumento.

Curso Guitarra Rock 2.0

Gostou desse post? Deixe sua opinião nos comentários. Para assistir esse artigo em vídeo, clique no player abaixo:

Vídeo desse artigo

Fontes: Google, Wikipedia, Band, Tenho Mais Discos que Amigos, Whiplash, Correio Brasiliense, Correio do Estado, Uol, Terra e Famosos que Partiram.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

YouTube
Instagram

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Me Chame